30 maio, 2007

Obrigada

O eterno segredo do teu sorriso cândido
Que me delicia, desarma e alegra
A lágrima que cai e que me enternece alma
O teu rosto doce que me tranquiliza
A ti criança que desejo sempre feliz
A ti criança, que me fazes viver, respirar e ensinas amar
A ti criança, que me espantas com as tuas palavras
Com os teus gestos, com a tua candura
Pequena perdiz que quer voar
Que me ensina a ser mãe com bravura
Pequena luz que encanta os meus dias
E que com todas as suas cores me ensina a amar
A ti criança a quem desejo contos, viagens e aventuras
Por ti criança, esperarei sentada à espera que me queiras ouvir
E que me queiras contar os teus segredos, os teus amores e os teus medos
Por ti criança que me ensina a sorrir e entoar os melhores cânticos da VIDA.

A ti ,só a ti, obrigada

2 comentários:

Cor de Mel disse...

LINDO!!!!
Beijocas, Lia.

Leonor Branco disse...

Um texto realmente enternecedor